segunda-feira, 8 de junho de 2009

inverno e um pouco de saudades...

(me perdoem, hoje to um pouco ruim pra organizar meus pensamentos...mas saiu isso daí embaixo...)
Tava lembrando de quando nem sabia andar direito... o frio me acolhia a todo instante, creio que os mesmos ventos frios que hoje são carregados com as lembranças de outros, hoje me vêem apreciando cada casaco meu... sinto falta da neve, dos casacos que nem me deixava andar direito, das roupas que nem combinavam muito, mas combinadas tiravam meu frio e asseguravam que eu não teria uma provável hipotermia ou febre... o quão era gostoso comer a comida quentinha da mamãe, dos risotos de frango com pimenta... de cada café da mamãe de waffles & Syrup que eu queria comer todos... da ansiedade de ver a neve depois do natal, pois onde eu morava a neve descia em Janeiro... os bonecos de neve... até antes da neve, o sentimento de vir passear no outono, com as folhas tingidas de “velho” e caírem no chão enquanto andava de bicicleta no parque, esse que me viu por tantas vezes acompanhar o vento na mesma velocidade, e que via meu irmão nos incessantes tombos que ele fazia questão de tomar... a vida era bem linda naquela época... o sol que parecia quente, mas vinha frio de manhã... ganhava meu sorriso facilmente com meus cabelos cor de mel e pele branquinha toda vida... Nunca pude dizer que minha infância foi ruim... mesmo depois que voltei pro Brasil e vi coisas que nunca alguém mereceria ver... mas essa harmonia toda unida a uma desordem total me fez bem... nada é tão mítico quanto pode parecer, hoje tento reviver cada passo dado em inglês, walking nesse pouco tempo que tenho de frio no Brasil... aproveitem cada segundo dele, eu tento me reconstruir com o mais puro perdido pensamento... arrisco a dizer que os mesmos ventos que me acariciavam a toda velocidade hoje me amarguram com a saudade de ainda ter aquele David dentro de mim.

4 comentários:

Just let your feelings show... disse...

Você é fascinante David... fascinante... ;)

Hebert Neri disse...

um david sensivel e humano, só pode ser um clone pseudoeuropeu do david belga q conhecemos. huahuauhauh

David Yves disse...

FILHO DA MÃE!HUASHUASHUAS

Cinthia disse...

Nunca comi waffles & Syrup =[